«

»

mai 19 2012

Imprimir Post

Tsuru: ave sagrada do Japão. Símbolo da saúde, fortuna, boa sorte, felicidade e longevidade #Origami

O origami é uma arte de dobradura com papel conhecida no mundo todo. De crianças a adultos, adolescentes a idosos, faz parte do cotidiano da cultura japonesa e deslumbra a todos com as técnicas milenares da dobradura. Um origami muito conhecido é o tsuru [ ]  Grou – Cegonha, ave sagrada e popular do Japão, que  simboliza saúde, fortuna, boa sorte e felicidade. Costuma-se dizer que esta ave é o símbolo da longevidade.

Você já ouvir falar de falar de ZENBAZURU [ 千羽鶴] ?  É um conjunto de 1.000 origamis de tsuru. Na cultura japonesa uma lenda do tsuru diz que quem fizer mil dobraduras desse pássaro, com o pensamento voltado para aquilo que deseja alcançar, terá bons resultados. E para quem a dobradura é oferecida, estamos desejando saúde e prosperidade.

tsuru - ave sagrada do Japão

É comum encontrarmos em hospitais, zenbazuru feito por familiares e amigos que desejam a rápida recuperação de um ente querido hospitalizado. Também, aqueles estudantes que irão prestar um importante vestibular, fazem o seu zenbazuru, para conseguir sucesso. Com o sentimento de desejar felicidade matrimonial, noivos e familiares fazem juntos um zenbazuru, e alguns até colocam na decoração da cerimônia de casamento.

Um grupo de 30 jornalistas japoneses, foram autorizados a visitar dia 12 de novembro de 2011,  uma parte da central nuclear de Fukushima pela primeira vez desde a catástrofe de 11 de março. Cem dias depois, aconteceu a segunda visita. No prédio, pendurado nas escadas,  vários zembazuru (mil origamis de tsuru) enviados de todo o Japão, concretizando o forte desejo de recuperação e reconstrução. Paz! Para ler o artigo, acesse o link do site da Sankei.   

Foto da entrada da Usina nuclear de Fukushima, escadas com zembazuru pendurados

 

O que é origami ?

Origami (do japonês: 折り紙, de oru, “dobrar”, e kami, “papel”) é a arte tradicional e secular japonesa de dobrar o papel, criando representações de determinados seres ou objetos com as dobras geométricas de uma peça de papel, sem cortá-la ou colá-la.

O origami usa apenas um pequeno número de dobras diferentes, que no entanto podem ser combinadas de diversas maneiras, para formar desenhos complexos. Geralmente parte-se de um pedaço de papel quadrado, cujas faces podem ser de cores ou estampas diferentes, prosseguindo-se sem cortar o papel.

Ao contrário da crença popular, o origami tradicional japonês, que é praticado desde o Período Edo(1603-1897), frequentemente foi menos rígido com essas convenções, permitindo até mesmo o corte do papel durante a criação do desenho, ou o uso de outras formas de papel que não a quadrada (retangular, circular, etc.).

História do origami

Conforme se foram desenvolvendo métodos mais simples de criar papel, o papel foi tornando-se menos caro, e o Origami, cada vez mais uma arte popular. Ainda assim as pessoas menos abastadas se esforçavam em não desperdiçar; guardavam sempre todas as pequenas réstias de papel, e usavam-nas nos seus modelos de origami.

Durante séculos não existiram instruções para criar os modelos origami, pois eram transmitidas verbalmente de geração em geração. Esta forma de arte viria a tornar-se parte da herança cultural dos japoneses.  A partir de 1845, com a publicação do livro Kan no mado com mais de 150 modelos, o origami espalha-se como atividade recreativa no Japão.

Lenda dos 1000 tsurus

Segundo a cultura japonesa, aquele que fizer mil origamis da garça de papel japonesa (Tsuru, “garça“) teria um pedido realizado – crença esta popularizada pela história de Sadako Sasaki, vítima da bomba atômicaO tsuru feito de papel se tornou símbolo de paz recentemente.

vídeo http://youtu.be/BX-kw4_69eQ

Sadako nasceu em 1943. Tinha 2 anos quando a bomba atômica foi lançada em Hiroshima – Japão, em 6 de Agosto de 1945.  Muitos vizinhos de Sadako morreram, mas Sadako não tinha se ferido. Ela cresceu. Sadako era uma garota forte, corajosa e praticava atletismo.

Em 1955, depois de participar de uma grande corrida e fazer seu time vencer, ela se sentiu extremamente cansada e com tonturas. Depois que a tontura passou, Sadako pensou que devia ser apenas consequencia do esforço para corrida.

Um dia Sadako voltou a sentir muita tontura e não conseguiu levantar. Foi levada ao hospital e diagnosticada com Leucemia, a “doença da bomba atômica”. A melhor amiga de Sadako, Chizuko foi visitá-la no hospital. Levou-lhe papéis de origami e contou-lhe sobre uma velha lenda japonesa, a dos 1000 tsuru.

Chizuko explicou que o tsuru é uma sagrada ave japonesa, vive 1000 anos e que se uma pessoa dobrasse 1000 tsuru de papel teria um desejo concedido. Sadako ficou com esperança de que os deuses concedecem-na a cura e então pudesse correr novamente.

Assim, Sadako passou a dobrar os tsuru de papel, sua família frequentemente visitava-a no hospital, consersava e ajudava Sadako a dobrar os tsuru. No entanto antes de completar os 1000 ela veio a falecer, no dia 25 de Outubro de 1955, aos 12 anos. O principal dessa história é que ela nunca desistiu. Ela continuou a dobrar os papéis enquanto morria.

Inspirados na sua coragem e força, seus amigos e colegas de sala montaram um livro com as cartas escritas por ela e publicaram. Dessa maneira, eles começaram o sonho de construir um monumento para Sadako e para todas as crianças que faleceram devido a bomba atômica. Jovens japoneses passaram a arrecadar dinheiro para esse projeto.

Em 1958, a estátua de Sadako segurando um tsuru dourado foi construído no Parque da Paz em Hiroshima. As crinças também fizeram um desejo, escreveram na estátua e leram-no: “Esse é o nosso grito. Essa é a nossa reza. Paz no mundo!”

Benefícios do origami

No site Origami Constructo, encontramos esta citação: 

”Baseado em minhas próprias experiências com papel e em relatos de muitas outras pessoas que também têm o origami como parte do cotidiano, posso listar vários pontos positivos dessa atividade. Os principais benefícios para quem trabalha com origami estão diretamente ligados aos seguintes pontos, exercitando-os e propiciando seu desenvolvimento:

- Memória;
- Criatividade;
- Raciocínio lógico;
- Percepção visual e espacial;
- Coordenação motora fina;
- Atenção e concentração;
- Alívio de stress e tensões;
- Paciência e tranquilidade;
- Auto-estima.

 Acreditamos é que na medida que nos dispomos a realizar 1000 objetos semelhantes estamos nos concentrando no que desejamos. Mesmo que faça tsurus sem pensar a cada vez pelo que estamos fazendo, em nosso inconsciente sabemos e se pararmos para nos perguntar por que estamos fazendo tal coisa, a resposta é imediata. Talvez acreditamos mais na força, concentração de pensamentoe ação para alcançar o que desejamos.

Um exemplo, é a tradição Tsuru wa Sennen, onde o homem e a mulher dobram 1000 origamis de tsuru (zembazuru) para o seu casamento. O tempo e a energia dedicados `a confecção destes origamis simboliza a paciência e a confiança necessária para manter um casamento feliz. Um casal que poderia enfrentar o longo e  intenso processo de dobramento, apoiando-se mutuamente, conversando durante semanas, tendo uma tarefa desafiadora  e provando sua capacidade de manter  uma relação estável a longo prazo. O resultado final torna-se um testemunho visível de seu amor e confiança.

 

Quer aprender a fazer um origami de tsuru? Siga as instruções abaixo, no começo pode parecer difícil, mas treinando, você vai ficar hábil neste origami. video http://youtu.be/PAKmxBTSajg

Uma curiosidade do Japão – Brincos de origami de tsuru - video http://youtu.be/Ing1-ctbnMQ


Fonte: http://www.sadako.org/,  http://www.hiroshima-is.ac.jp/http://pt.wikipedia.org/wiki/Origami http://origamiconstructo.blogspot.com/2http://mariadesdobrandopsicologia.blogspot.com/2010/07/origami-para-vestibulandos-1000-tsurus.html , 011/10/beneficios-do-origami.html,  http://www.aprendendojapones.com/2009/09/13/tsuru-origami/

**********************************************************************************************

Clique aqui para empregos Suriemu

Link permanente para este artigo: http://blog.suri-emu.co.jp/?p=128

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>