«

»

jan 15 2012

Imprimir Post

Por que tirar o sapato quando entrar em casa no Japão? Regras de boas maneiras.


Os japoneses têm o costume de tirar os sapatos logo que entram em casa e nas casas alheias.
Os sapatos são permitidos apenas nas entradas das casas, numa área chamada 【玄関】 GENKAN (pronuncie guenkan). O GENKAN localiza-se sempre um degrau abaixo da entrada principal da casa. É a área de entrada tradicional para casas e prédios japoneses constituida de uma varanda, ou uma sala, com um tapete onde deve-se retirar os sapatos.

Boas maneiras: Após tirar os sapatos e subir esse degrau, é costume virar os sapatos, deixando as pontas voltadas para o lado oposto do degrau ou seja, voltados para a saída.

Caso a visita seja feita por muitas pessoas, como uma reunião ou festa,  sempre tome o cuidado para deixar os sapatos arrumados, de forma que não atrapalhe a entrada e saída de outras pessoas.

Por que tirar os sapatos ?

Por dois motivos: o primeiro, é óbvio! É por uma questão de “limpeza” da casa. Uma casa com um chão limpo é sempre agradável. A idéia básica é proteger o interior da casa de contaminação trazida de fora. Mas não é só “higiene física”. Também podemos falar de “higiene espiritual”. Quando você tira os sapatos, você se liberta de todas as “energias impuras” lá de fora, da rua. Tirando os sapatos sujos e deixando-os na “genkan”, você não deixará que essas energias invadam a harmonia do seu Lar, os japoneses são muito ligados a superstições.

Os japoneses têm uma forma muito profunda de compreensão da diferença entre os espaços. O genkan é uma espécie de pós posto de fronteira entre o mundo exterior e o santuário da casa.  Mesmo quando entrar em sua própria casa (uchi, o que significa dentro), o ato de tirar os sapatos é um símbolo de abandonar as preocupações e problemas, bem como a sujeira do mundo exterior (soto).

Chinelos – Surippa

Normalmente o anfitrião oferecerá um par chinelos para visitas 【スリッパ】Surippa, para serem usados nas áreas sem tatami.Nas áreas de tatami, devemos ficar descalços. Na saída, ao colocar nosso sapato, também devemos arrumar os chinelos de visita.

Se ao utilizar o banheiro, encontrar um par de chinelos, deverá deixar o par que está usando no momento, fora, e entrar utilizando o chinelo especial para uso no banheiro  【トイレスリッパ】toilet surippa. E após o uso, deixe no banheiro mesmo, não se deve confundir usando-os nos outros cômodos da casa. É extremamente ruim, por exemplo, entrar novamente na sala principal de uma casa usando chinelos que pisaram em locais sujos.

Algumas dicas importantesEm casa – Tenha sempre em casa alguns pares de surippa para visitas.

Escolas – quando os pais participam de eventos em escolas, reuniões, normalmente a escola disponibiliza surippas, porém nem sempre o número é suficiente, por isso, recomendamos sempre levar o seu par de surippa de casa, para não ficar descalço.

Hospitais – Alguns hospitais e clínicas também disponibilizam chinelos, e nem sempre estão devidamente esterelizados, ou seja, depois de usar coloca-se na sapateira para ser usado em seguido. Alguns hospitais utilizam o sistema de esterilização. Quem tem receio por causa de doenças, cheiro e outros motivos, deverá sempre levar o seu chinelo de casa para evitar futuras preocupações. Quando não tiver mais espaço na sapateira, arrume os calçados de forma a não atrapalhar a entrada e saída de outras pessoas.

Restaurantes – Se você já sabe que irá ao restaurante e terá que tirar os sapatos, procure não utilizar botas longas, sapatos com muitas fitas e fivelas, tênis e afins. Opte por calçados fáceis de tirar e colocar.

Cheiro, chulé – Tirar o sapato é uma das  preocupações daqueles que tem problemas de odores nos pés, estes deverão manter sempre os sapatos bem arejados, limpos para evitar situações constrangedoras. O mesmo também quando escolhemos as meias…. aquele buraco…. melhor não!

Chinelos são importantes dentro de casa, principalmente quando ocorre um terremoto. Protejerá seus pés dos cacos de vidros até chegar a porta de sua casa.

Tenha sempre ao lado da cama, um par de chinelos com solado mais reforçado, para proteger os pés em caso de terremotos.

Considerado falta de educação deixar sapatos desarrumados, atrapalhando a passagem.

No Japão, desde pequenos, as crianças aprendem a arrumar os sapatos quando chegam em casa ou quando vão visitar outras casas. Vamos também ensinar as crianças brasileiras, as boas maneiras para tirar e arrumar os sapatos também.

Curiosidades do Japão – Encontramos chinelos de todos os preços, para todos os gostos. Alguns exemplos:

Link permanente para este artigo: http://blog.suri-emu.co.jp/?p=250

5 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. giovana

    Eu vivi um tempo no japao, e me acostumei a tirar os sapatos pra entrar nas casas. Agora eu vivo no peru, e aqui nao tem essa tradiçao, mas eu continuo tirando o sapato pra entrar na minha casa, e meus filhos tbm, e ate o marido. Quando eu entro com sapato eu me sinto mal e quando as pessoas entram com sapato da aquela vontade de pedir pra tirarem, mas o povo aqui nem liga. Ai que saudades do japao.

  2. Marden Carvalho

    Legal seu texto e me fez relembrar as boas recordações de quando morei no Japão. Escrevi um artigo e usei esta matéria como referência. Abraços e bom trabalho.

  3. roberto nishihara

    Estive no Japão e logo que cheguei no hotel, havia uma prateleira cheias de chinelos para os hóspedes fizessem as trocas. Nas igrejas, restaurantes, até nos momentos de entrar nos camarins para experimentar as roupas eram nevessários tirar os sapatos. Foi uma espécie de treinamento e hoje pratico em meu apto, fiz até o local para o ritual, na entrada estão todos os meus sapatos de uso diário. Ganhei espaço no guarda roupa, os sapatos ficaram mais organizados. Assim são as viagens, conhecendo culturas e aprimorando, principalmente, o nosso lado pessoal.

  4. Thomas

    na china é assim também?

    1. meguh

      Sim, acho que na tailândia também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

Translate »