«

»

maio 29 2012

Imprimir Post

Animais de estimação no Japão, o que você precisa saber…

Com o prolongamento da estadia, muitos estão fixando moradia aqui no arquipélago, incluindo como membro de suas famílias, animais domésticos como cães e gatos. Saiba um pouco sobre os trâmites, antes de procurar o seu amigo fiel. Lembre-se: ele também precisa de atenção, carinho, além de cuidados com a saúde e alimentação.

Antes de comprar,  verifique se o imóvel onde mora aceita animais de estimação. Nem todos os proprietários autorizam a criação destes animais. Ter um animal “escondido”, sem autorização prévia poderá trazer sérios problemas como sair imediatamente do imóvel, verifique o contrato de aluguel previamente.

~Uma sociedade que da importância para a vida~ Abandonar animais é crime
Abandonar ou maltratar animais é crime. Não acarreta somente na fome do animal, mas também incomoda a vizinhança. Deixar de cuidar das necessidades ou tratar da doença do animal também é considerado como maus-tratos. Caso viole a lei, a multa é de até ¥500.000.

Ter um cãozinho é ótimo, mas você tem tempo de cuidar, de sair para passear diariamente com sol, chuva, neve ? Tem tempo para levá-lo para registro e vacinas ? Tem recursos financeiros para alimentação, custos com veterinário e doenças? Se o seu animal de estimação causar danos materiais no imóvel, machucar outras pessoas, tem condições de realizar a devida indenização ?

O animal será um membro de sua família. Compreender os costumes dos cachorros E cuidar deles com responsabilidade até a sua morte. Pense bem antes de adquirí-lo!

 

 

 

 

 

 

 

Procedimento para quem tem cães

(1) Registro na prefeitura [ 犬の登録] [inu no touroku] 

♦ Independente do tamanho do cão, é necessário fazer o registro do animal dentro de 30 dias após começar a criá-lo, exceto quando não irá mantê-lo por mais de 90 dias. O registro deve ser feito na prefeitura ou na Secretaria de Saúde.

♦ No caso de cães recém-nascidos, o registro de ser feito após o 91º dia do nascimento e até o 120º dia.

♦ O pedido do registro pode ser feito no momento de vacinação contra raiva.

♦ Ao fazer o registro é emitido a placa de registro, coloque esta placa na coleira do animal.

Plaqueta – O tamanho, cor e formato varia de prefeitura para prefeitura

O registro é válido durante toda a vida do animal. Ao se mudar, ou repassar o animal para outras pessoas, alterando assim os dados do registro, é necessário fazer o procedimento de aviso na prefeitura. No caso de morte do cachorro, é necessário apresentar o registro de óbito na Prefeitura onde está residindo. Caso não faça o registro do cachorro, o seu dono estará sujeito a multas.

(2)Vacina contra raiva [ 狂犬病予防注射 ] [Kyoukenbyou yobou tyusha]

A raiva é uma doença que causa encefalite nos homens e nos animais mamíferos. A regulamentação da vacinação dos cães se deve à mais de 90% das pessoas afetadas pela raiva, serem transmitidas pelos cães. Para evitar que o seu cachorro seja contaminado é necessário dar a vacina contra a raiva.

Os cães com mais de 91 dias de vida devem ser vacinados contra raiva 1 vez ao ano. A vacinação contra raiva é feito no veterinário [ 動物病院 ] [doubutsu byouin] ou nos postos de vacinação conjunta anti-rábica. Dependendo da região é enviado um aviso pelo correio para quem possui um cão registrado

Ao ser feita a vacinação é emitido o certificado de vacinação contra raiva, que deve ser colocado na coleira do animal junto da placa de registro.

 .

● O que é necessário levar para vacinação:

Para cães registrados: “Comunicado de realização da vacinação anti-rábica do ano administrativo/2012 e Confirmação do registro”, enviado pelo correio.
※ Favor preencher, sem falta o questionário preliminar de exame, sobre o estado de saúde do cão, no dia do exame.

Para cães não registrados: Levar anotado o endereço, nome e telefone do dono e, a raça, data de nascimento, nome, sexo e a cor dos pêlos do cão.

Outros: No caso de morte, desaparecimento do cão, mudança de nome e endereço do dono, favor comunicar na Prefeitura,Seikatsu Eisei-Ka

 Antes de ir ao local de registro e/ou vacinação, verifique sua corrente, coleira, etc. O cão deve ser levado utilizando focinheira, etc., e estar acompanhado sem falta, de pessoa que possa lidar com segurança. As fezes devem ser levadas sem falta, para serem jogadas em casa. Após a vacina, deixe o animal descansar.

 Valor da vacina:

  Para cachorros registrados (somente vacina): 3.200 ienes
Registro do cachorro e vacina: 6.200 ienes
☆ Informações sobre datas, local da vacina e outros: Na prefeitura de sua cidade. Consulte o Kenko Fukushikyoku Shokuhin Eiseika (Setor de Saúde e Bem-Estar Divisão de Alimentos e Saneamento) ou o Hokenjo Seikatsu Kankyoka (Setor de Saúde Pública Divisão de Proteção Ambiental dos Postos de Saúde).
(3) Respeitar normas de boa convivência e demais responsabilidades

♦ No Japão é responsabilidade do dono de limpar as fezes e urina dos seus animais de estimação, por isso ao levá-lo para passear carregue uma sacola para colocar as fezes e uma garrafa com água para lavar a urina.Isso é válido tanto para o caso de passeios nas ruas, praças, etc., quanto ao redor da casinha do cachorro.

Encontramos em diversos locais placas solicitando para que seja recolhido as fezes dos cães. Estas placas de um modo geral são simpáticas e kawaii..

 

♦ Caso não deseje a procriação dos cachorros tomar as devidas medidas, como por exemplo fazer a cirurgia para castrá-los evitando o nascimento de filhotes.

♦ Não cause incômodo aos vizinhos. Para o dono do cachorro andar solto, latir, querer brincar pode ser algo normal, mas para quem não gosta de cachorro ou não cria um cachorro, é extremamente estressante. Também, para um adulto o cachorro é um animal pequeno, mas para uma criança o cachorro é um animal grande. 

 

(4) Quando não puder mais criar cães e gatos

Caso não possa levar o animal consigo, em caso de mudança ou quando do retorno ao seu país, procure alguém que possa ficar com o mesmo.

Em último caso, quando não conseguir encontrar ninguém, procure os postos de saúde ou os centros de proteção de animais. Só serão tomados procedimentos para abdicação de propriedade, caso o posto de saúde ou o centro de proteção de animais considerar justo o motivo do abandono do animal, consultar sobre o procedimento de exterminação.

Há casos do procedimento ser cobrado. Dependendo da cidade, varia o procedimento do pedido, tipo de serviços e denominações. Para mais informações entre em contato com a prefeitura, através de alguém que fale japonês.

 

(5) Ter um animal de estimação faz bem para sua saúde. 

Os cães são os melhores, mas até um peixinho dourado pode causar um bom resultado. Alguns benefícios dos animais de estimação:

(1) Um pequeno tempo diário dedicado a eles funciona como uma terapia ao ser humano. Conversar e brincar com animais pode diminuir o estresse, sem contar o carinho que eles são capazes de doar

(2) A sensação de alegria libera endorfina ao cérebro, um hormônio capaz de relaxar o ser humano, colaborar com seu bem-estar, controlar a pressão sanguínea e a melhorar o sono.

(3) Observar um aquário faz com a pessoa se sinta mais calma (é aconselhado por muitos terapeutas em situações de stress laboral)

(4) Cães ensinam as crianças a comunicarem melhor e a estabelecerem mais facilmente relacionamentos sociais

(5) Estimulam o bom humor e o divertimento (numerosos estudos indicam que o bom humor é a melhor ferramenta para combater o stress e aliviar a tensão)

(6) Nas pessoas idosas, a companhia dos animais permite reduzir, de forma deslumbrante, o número de visitas ao médico e os riscos de suicídio.

(7)  Quem convive com um animal doméstico tem chances de ter um coração muito mais saudável,  diz uma pesquisa da Universidade Kitasato, de Kanagawa, no Japão. O estudo mostra que pessoas com problemas cardiovasculares (crônicos) que tenham um animal em sua convivência têm menos problemas com o coração em relação àqueles que não tem um bichinho de companhia.  Os mascotes fazem você sentir-se otimista, relaxado e isso baixa a pressão sanguinea.

(8) Adotar um cão como animal de estimação é semelhante a ter filhos, afirmam cientistas. Os pesquisadores descobriram que quando donos de cachorros brincam com os animais, liberam um hormônio ligado à sensação existente no cuidado infantil. Chamado de oxitocina, o hormônio está associado ao sentimento de amor, amizade e paixão, atenuando o estresse e a depressão. Com base na avaliação, Takefumi Kikusui – que realizou a pesquisa em parceria com o biólogo Miho Nagasawa -, disse que um aumento no nível do hormônio poderia explicar porque brincar com cães pode melhorar o humor e até mesmo atenuar os sintomas de ansiedade e depressão.

(6) Em caso de terremotos ou desastres naturais

O Japão é um país propenso a diversos desastres naturais. No caso de terremoto, por exemplo, no KIT DE EMERGÊNCIA, providencie também alimentação para seu animal de estimação, vasilhame para tomar água, saquinhos plásticos para recolher as fezes, caso tenha que ir para um abrigo. Se ficar perdido, o cãozinho terá a coleira para identifcação do dono.

Nas lojas de artigos para pet encontramos até kit para cachorros

(7) Procedimentos necessários para poder levar animal de estimação (cão, gato) para o Brasil.

Para levar um animal para o exterior, deverá cumprir as condições exigidas pelo Japão e pelo país de entrada do animal. Para sair do Japão, deverá passar pelo exame de sanidade no “Dobutsu Ken-ekijo” (Departamento de Quarentena de Animais) (no caso de cães, raiva [Kyoukenbyou] e leptospirose [Leputosupira-shou] ).

Para efetuar o exame, deverá entrar em contato antecipadamente até 7 dias antes e apresentar a solicitação de inspeção para exportação. Poderá efetuar download do formulario de solicitação no site http://www.maff.go.jp/aqs/animal/aq12-1.html. Apresente o atestado médico (kenko shindansho) de seu veterinário.

Passando na inspeção do Departamento de Quarentena, receberá a Autorização para Embarque (Yushutsu Ken-eki Shomeisho) que deverá ser reconhecido pelo Ministério das Relações Exteriores do Japão e posteriormente pelo Consulado Geral do Brasil.

Como esses trâmites são demorados, procure providenciar com pelo menos 1 mês de antecedência.
Poderá encontrar informações detalhadas sobre os trâmites, no site do Consulado Geral do Brasil de Nagoya,   http://www.consuladonagoya.org/cgnagoya/index.php.

Lembrando que não basta fazer os trâmites acima citados, deverá efetuar reserva antecipada e obter autorização prévia com a companhia aérea a qual pretende viajar. Verifique junto à companhia aérea ou o seu agente de viagem para obter informações de como transportar o animal.

Informações para levar aves para o exterior > As condições para levar pássaros está no link do governo aqui http://www.maff.go.jp/aqs/animal/aq12-3.html Procedimentos para exportar aves. Está em japonês. Você poderá utilizar o translator ou solicitar para algum amigo que leia japonês

Procedimento para trazer animal de estimação para o Japão  – Consulte Consulado Geral do Japão em São Paulo

video –  Animais de estimação no Japão- Vacinação Obrigatória http://youtu.be/7KQsQyndZJY

 

Recomendamos leitura: 

Japão, a potência de cães e gatos – Blog “Vidasemvoltas”

Contato com cães libera hormônio ligado ao amor – Terra
Nem Enfeites Nem Brinquedos – Animais de Estimação e Maus Tratos – Lost in Japan– Lost in Japan
Animais de estimação – a melhor terapia Blog Nós, os cachorros no Japão

 

fonte:  NHK Nagoya Portugues,  Life Information of Foreigners in JapanNagoya International Center

Link permanente para este artigo: http://blog.suri-emu.co.jp/?p=3842

4 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. maeda

    gostaria de saber onde denunciar maus tratos a animais…algum telefone ou algo parecido…obrigado pelas informacoes acima foram mto uteis

  2. comprar views no youtube

    belo blog !

  3. Júlia Ueda

    Olá poderão me ajudar? Moro em aichi estava passeando com o meu cachorrinho como sempre eu faço todos os dias duas vezes aí dia e passando por um senhor japones ele deu uma guarda chuvada sem mais nem menos fomos ao loba nele alegou q se sentiu ameaçado …. E acabou por isso mesmo não tenho uma proteção para mim e meu cachorrinho( yorhire terrier)alguém pode me aconselhar ou ajudar ?

  4. Luciana

    Ola gostaria de saber como se fala Aids Felina e como fala castrar gato. Obrigada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

Translate »