«

»

jun 02 2012

Imprimir Post

Trânsito de Vênus, saiba mais sobre este fenômeno astronômico do dia 06/06

2012 está repleto de grandes eventos de fenômenos astronômicos. Seguido por eclipse anular de 21 de maio, o eclipse lunar parcial em 4 de junho, em 6 de junho pode ser visto fenômeno astronômico de Trânsito de Vênus. 

O fenômeno ocorrerá quando Vênus passar diretamente entre a Terra e o Sol, o que permitirá ver o planeta como um pequeno ponto deslizando-se lentamente através do principal astro do sistema solar, um fenômeno que foi avistado por astrônomos como Galileu Galilei.

O que é o Trânsito de Vênus ?

Na Wikipedia, encontramos esta definição :  < Um trânsito de Vênus é a passagem astronômica do planeta Vênus diante do Sol, visto da Terra, ocultando uma pequena parte do disco solar. Ocorre quando o Sol, Vênus e a Terra se encontram alinhados. Um trânsito de Vênus é semelhante ao eclipse solar pela Lua. Apesar de o diâmetro de Vênus ser quatro vezes maior que o da Lua, aparece bem menor durante o trânsito devido à maior distância entre o planeta e a Terra.>

Wikipedia - Diagrama de trânsitos de Vênus e o ângulo entre os planos orbitais de vênus e a Terra

Quando ocorre o trânsito de Vênus

Ocorrem numa sequência que se repete a cada 243 anos.

O melhor lugar para ver o trânsito de 2012 estará no Oceano Pacífico, incluindo Havaí, Alaska e ilhas do Pacífico central. Algumas organizações começaram a se preparar para o trânsito de 2012 com grande antecipação, incluindo um grupo que organiza festividades e observações no Taiti. Entre os países lusófonos será visível em parte no extremo ocidental do Brasil (pôr do Sol do dia 5), extremo oriental de Angola e todo Moçambique (nascer do Sol do dia 6). Visível na totalidade em Timor e Macau (dia 6)

O último que se viu foi em 8 de junho de 2004 e o próximo calcula-se que será em dezembro de 2117, o que torna o fenômeno do dia 06 de junho de 2012, o sétimo trânsito documentado pelos humanos desde o século 17.

O evento, só precedido pelos que ocorreram em 1639, 1761, 1769, 1874, 1882, além do de 2004, gerou grande expectativa.

Fotografado na Alemanha dia 08/6/2004 - Fonte: Wikipedia

Fotografado em Nagasaki dia 08.06.2004 Fonte: wikipedia

 

Onde será possível visualizar o trânsito de Vênus ?

Visibilidade - Fonte: http://astro.ukho.gov.uk/nao/transit/V_2012/

O trânsito inteiro vai ser visto de norte-oeste do Canadá, Alasca, leste e norte da Ásia, a metade oriental da Austrália, Nova Zelândia e as ilhas do Oceano Pacífico ocidental. 

O sol irá se pôr enquanto o trânsito está em andamento na zona cinzenta que abrange o leste do Canadá, Estados Unidos, América Central e da parte norte-ocidental da América do Sul. 

O Sol vai aumentar, enquanto o trânsito está em andamento na área cinza tomando no sudoeste da Ásia, leste da Rússia, o Oriente Médio, nordeste partes da África e parte da Europa, incluindo as Ilhas Britânicas. 

As linhas amarelas no diagrama mostram a posição do terminador, onde o Sol está nascendo ou se pondo, nas fases essenciais do trânsito.

Visualização do trânsito de Vênus no Japão

Trânsito de Vênus – [ 金星の日面通過 ] (leia-se Kinsei-no-hichimen-tsuuka)

Em todo o Japão a visualização será praticamente a mesma em todas as regiões, com  algumas pequenas variações no horário,  no período de 7:10 às 13:47hs.

Visualização em Tokyo

fonte : http://homepage2.nifty.com/turupura/near/g120606.html

.

A Agência de Meteorologia divulgou os mapas abaixos como previsão de visibilidade no dia 06/06

Laranja= boa visibilidade Amarelo=visibilidade parcial Fonte: Weathernews

Etapas da visualização (base Tokyo)

 

 

Métodos de Observação – Quais são os cuidados?

Um trânsito de Vênus pode ser observado com segurança tomando-se as mesmas precauções usadas nas observações das fases parciais de um eclipse solar.

Óculos especiais para eclipse e trânsito de Vênus

No dia 21 de maio de 2012, quando ocorreu a eclipse anular, cerca de 70 pessoas entre crianças e adultos,  em 18  províncias no Japão reclamaram de dores e problemas nos olhos  e procuraram clínicas e hospitais, depois de terem observado o fenômeno sem a devida proteção que barram a passagem de raios ultravioletas.

Olhar diretamente para o disco brilhante do Sol (a fotosfera) com olhos desprotegidos pode rapidamente causar danos oculares sérios , danos na retina e lesões no olhoSintomas como  dor, incômodo ou formação de manchas na visão aparecem quando a retina sofre danos causados pelos raios ultravioletas, podendo também causar lesões profundas e até cegueira permanente. Estes sintomas demoram para aparecer, a Academia de Oftalmologia do Japão  aconselha a procurar um especialista em qualquer caso de anormalidade nos olhos.

 

Nasa se prepara para imortalizar última passagem de Vênus pelo Sol até 2117

Washington, 1 jun (EFE).- A Nasa (agência espacial americana) e outras instituições dos Estados Unidos se preparam para observar a passagem do planeta Vênus pelo Sol entre os dias 5 e 6 de junho com dezenas de atividades para capturar as melhores imagens deste momento que não voltará a se repetir até o ano 2117.

A agência espacial americana proporcionará imagens desde a Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês), o telescópio espacial Hubble e o Observatório de Dinâmica Solar (SDO, em inglês).

O astronauta americano Don Pettit, tripulante da ISS, se transformará no primeiro ser humano a testemunhar e fotografar o trânsito no espaço, o que compartilhará quase em tempo real.

Os trânsitos de Vênus são algo pouco habitual e por isso houve poucas oportunidades para fotografá-los na Terra e muito menos na órbita terrestre. ‘Estive planejando isto muito tempo’, assinalou Pettit em comunicado da Nasa.

Pettit apontará sua câmera através das janelas laterais da cúpula da estação espacial, um módulo-observatório construído pela Estação Espacial Europeia que oferece uma visão de grande angular da Terra e do cosmos através de suas sete janelas.

O observatório gratuito na internet e no aplicativo para celular ‘Slooh Space Camera‘, que permite explorar o espaço sem sair de casa, mostrará imagens dos telescópios solares da Austrália, Japão, Nova Zelândia, Havaí, Noruega, Arizona e Novo México.

http://events.slooh.com/

O Slooh fará, além disso, um acompanhamento de Vênus a partir das 19h (de Brasília) do dia 5, do qual participarão cientistas, cineastas, engenheiros e especialistas em ciência como Bob Berman, colunista da revista ‘Astronomy Magazine’, que explicarão o fenômeno aos espectadores.

 (Agencia EFE)/G1

 

Fonte: Wikipedia

——————————     Atualizado em 06.06.2012     ————————————

 

O canal da NASA transmite ao vivo imagens dos principais observatórios espalhados pelo mundo – Acesse este link http://venustransit.nasa.gov/transitofvenus/

NASA – dia 06/06/2012 – 9:05hs (horário do Japão)

NASA – dia 06/06/2012 – 9:34hs (horário do Japão)

NASA - dia 06/06/2012 - 9:34hs (horário do Japão)

NASA – dia 06/06/2012 – 9:38hs (horário do Japão)

NASA – dia 06/06/2012 – 10:14hs (horário do Japão)

NASA – dia 06/06/2012 – 10:40hs (horário do Japão)

Foto publicado no FLICKR NASA YAHOO aqui

Foto publicado no FLICKR NASA YAHOO aqui

NASA – dia 06/06/2012 – 11:16hs (horário do Japão)

NASA – dia 06/06/2012 – 12:08hs (horário do Japão)

Observatório de Okayama – dia 06/06/2012 – 13:50hs (horário do Japão) – última imagem

Foto divulgada no site Bostlnno 

O próximo trânsito de Vênus será em dezembro de 2117

video

Para quem quer conhecer mais profundamente o assunto, veja este video

Leia também:

Mais um fenômeno astronômico em agosto: eclipse de Vênus e Lua                                     「金星食」Kinseishoku

 

 

 

Link permanente para este artigo: http://blog.suri-emu.co.jp/?p=4000

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

Translate »