«

»

mar 05 2013

Imprimir Post

Coma chocolate sem exageros, sem prejudicar sua pele e saúde! Conheça benefícios, males e dicas de dieta.

suriemu_Chocolate_5Quem nunca fechou a boca para certos alimentos quando decidiu emagrecer? O chocolate talvez seja o que tem a pior fama entre esses alimentos, principalmente nessa época do ano.
Saiba que o chocolate traz vários benefícios para a nossa saúde. Ele protege o coração; o sistema nervoso e ainda alivia a TPM. Mesmo que o chocolate traga todos esses benefícios ao nosso corpo, ele não deve ser consumido de forma exagerada ou descontrolada.
Aprenda a controlar a vontade de devorar chocolates. Prefira consumir o chocolate logo após as refeições (depois do almoço, por exemplo). Quando ingerido, após longos períodos de jejum, ele é prontamente transformado em glicose e absorvido mais rapidamente, despertando a fome pouco tempo depois.
Aproveite as delícias da Páscoa sem prejudicar sua pele. Para comer chocolate sem culpa, o segredo é planejar o consumo.

 É difícil resistir à tentação do chocolate. Mas não precisa privar-se desta delícia, pois os prejuizos ocorrem quando exageramos na dose.  O consumo pede moderação por que é rico em gorduras e açúcar, nutrientes que elevam o seu valor calórico. Para não ganhar peso, vale até determinar um horário para comer a guloseima. A precaução e moderação são os melhores remédios para se evitar transtornos futuros, tanto para saúde quanto para a pele.

suriemu_Chocolate_15

 

Sobre os benefícios do chocolate à sua saúde.

A textura, o aroma, o sabor e a capacidade de derreter suavemente na boca arrebata os sentidos, desperta o corpo e provoca sensações emocionais. A mistura de leite e cacau mais saborosa do planeta é rica em açúcar e gordura, portanto cheia de calorias.
Quimicamente, o chocolate possui importantes componentes estimulantes: a cafeína, 0u seja, provoca excitação em vez da calmaria. E ainda conta com um alcalóide chamado teobromina, sendo seus efeitos principalmente diuréticos. Para completar o mix de agitação, ele também possui doses de feniletilamina, um composto natural com efeitos semelhantes aos das anfetaminas. Esse ingrediente é apontado como o vilão para a compulsão pelo doce. Isso porque a substância estimula os centros de prazer da massa cinzenta, daí a vontade de não parar de comer nunca.
suriemu_Chocolate_8
Cientistas afirmaram que o chocolate, em pequenas quantidades, pode reduzir o risco de um ataque cardíaco por diminuir a tendência de coagulação das plaquetas e de obstrução dos vasos sangüíneos.
O sistema nervoso também sai no lucro a cada boa mordida. “Os flavonoides, antioxidantes encontrados nas sementes do cacau, têm poder de aumentar o fluxo de sangue no cérebro e fazê-lo funcionar melhor”.
Chocolate amargo: serve como escudo protetor contra os radicais livres, moléculas responsáveis pela degeneração das células. Benefícios do chocolate amargo: Estudos provaram que os ácidos fenólicos presentes no cacau emagrecem, e queimam calorias. Pesquisas indicam que ingerir duas barras pequenas (10g cada) de chocolate amargo ao dia podem reduzir a pressão arterial em hipertensos e diminuir os riscos de infartos e derrames. “Mas toda essa riqueza está no chocolate amargo. Quanto mais amargo, melhor”

Os efeitos do excesso de chocolate e dicas para controle

suriemu_Chocolate_9

A maior parte das pessoas acha praticamente impossível seguir a velha regra das dietas para o consumo de chocolate: comer apenas um quadradinho depois do almoço.
Dica: dois pedaços somente às sextas-feiras, sábados e domingos. “Você tem que pensar que o primeiro pedaço é o inicial, aquele que mata a vontade. E que o segundo é o último, aquele que deixa um gostinho bom na boca. O que você come entre esses dois não importa”.
Outra dica é imitar os provadores de vinho e envolver todos os seus sentidos no ato de degustar o chocolate. Em vez de engolir o alimento rapidamente, experimente apreciar o aroma, a textura e o gosto com calma. “Deixá-lo derreter na boca e não mastigá-lo também ajuda”.
Excessos
Comer chocolate compulsivamente também pode ser uma doença. Se frequentemente a pessoa perde o controle e embarca na compulsão, a melhor opção, é não ter chocolate por perto. Em algumas pessoas o exagero não é só com o chocolate, mas com tudo que dá prazer. Nesses casos, “é necessário desenvolver um processo de autoregulação que, muitas vezes, é conseguido apenas com psicoterapia”.
Passar da medida também faz mal para o organismo. O malefício mais conhecido é o aumento de peso. “O chocolate é rico em açúcar e gorduras, concentrando muitas calorias. Quem come demais e não queima a energia adquirida vai engordar”. O sistema digestivo é outro que sofre com a comilança, já que o chocolate possui substâncias que podem provocar refluxo dos sucos gástricos, ardor, queimação e mal-estar. Exagerar é comer mais de 100 gramas de chocolate por dia.

O que fazer para manter a dieta,  sem exageros e culpas.

suriemu_Chocolate_7

Se você sente que passou da conta, não se culpe por conta disso. “É no momento do excesso que percebemos que é hora de dar a volta por cima”, afirma a nutricionista do programa Dieta e Saúde, Roberta Stella. Para sacudir essa “poeira” e mandar para longe a consciência pesada, a especialista selecionou seis dicas indispensáveis para livrar seu organismo do abuso do chocolate, evitar o ganho excessivo de calorias no cardápio e o ganho de peso.
suriemu_Chocolate_21. Sobrou chocolate? Esse é o melhor momento para exercer a solidariedade. A melhor alternativa é distribuir entre os amigos, família, entre o pessoal do escritório, para o porteiro do prédio ou para quem você nem sequer conhece. Caso isso não seja possível, não se desespere. “Consuma pequenas quantidades; um pedaço pequeno de até 30 gramas é mais do que suficiente para matar a vontade do dia”, diz Roberta Stella. Essa quantidade corresponde ao tamanho de uma barrinha pequena de chocolate.
2. Mantenha a linha. Nada de ficar beliscando o chocolate que sobrou. Disciplina é a palavra chave para eliminar o excesso. “Uma boa ideia é determinar um horário, como o lanche no meio da tarde para se deliciar. Depois disso, fique longe da guloseima”, afirma a nutricionista.
3. Não deixe o doce no seu campo de visão para ele não ser a primeira alternativa, quando a vontade ou a fome apertar. Esconda no fundo da despensa ou da geladeira. Roberta Stella dá uma dica fundamental. “Evite levar o chocolate para o trabalho. Com o estresse do dia a dia, facilmente você poderá ficar beliscando durante uma tarefa e outra”, ressalta a especialista.
4. Não caia no mito do “só um pedacinho não faz mal”. “De pedacinho em pedacinho, você pode comer, rapidamente, meio ovo ou até mais. Fuja desse pensamento que é verdadeira armadilha para quem quer estar com o peso em dia”, explica Roberta.
5. Reserve, pelo menos, 45 minutos do seu dia para fazer uma atividade física e dispensar o peso ganho na Páscoa. Que tal caminhar pelo seu bairro? Você gastará a energia acumulada com o consumo do chocolate. Além disso, 45 minutos de caminhada passam rapidinho e dão um olé nas tensões, aliviando o estresse.
6. Faça, pelo menos, cinco refeições por dia. Estipule horários e planeje as suas refeições. Dessa forma, seu metabolismo trabalha mais acelerado e não acumula gordura.

Para evitar problemas de pele, é melhor investir na prevenção e moderação.

Por conta do chocolate, alguns indivíduos podem desenvolver maior oleosidade cutânea acompanhada de acne e espinhas, ou mesmo agravamento de quadros inflamatórios pré-existentes, como as alergias, dermatites e psoríase. Para evitar problemas de pele, é melhor investir na prevenção, ou seja, moderar o consumo de chocolate. O ideal, seria manter uma dieta equilibrada e, se possível, pouco calórica, dando preferência para os alimentos in natura e carnes magras, ou peito de frango e peixes.
O consumo de alimentos contendo gorduras insaturadas, como os peixes de águas frias e o azeite de oliva extra-virgem, por exemplo, diminuem a incidência de doenças cardiovasculares, além de normalizar a coagulação do sangue, prevenindo infarto ou derrame e até mesmo doenças imunológicas e câncer. Para quem, todavia, passou o feriado de Páscoa sem se precaver de cuidados básicos com a alimentação, uma excelente higienização da pele é essencial, além do uso de produtos tópicos objetivando a normalização da pele.

Woman at Mirror

Pele com acne
– Lavar o rosto várias vezes ao dia com sabonete para acne.
– Fazer uma limpeza de pele com o dermatologista.
– Usar produtos para acalmar a pele (princípios ativos interessantes: alfa-bisabolol e glucan).
– Aplicar secativos para acelerar a melhora das acnes inflamadas.
Para manter uma pele viçosa:
– Coma peixe no seu almoço de domingo; na verdade, é recomendável o consumo deste alimento pelo menos três vezes por semana;
– Ingira bastante líquido durante os dias. Os líquidos ajudarão seu sistema digestivo a eliminar mais rapidamente os alimentos excessivamente calóricos consumidos ;
– Ao escolhermos um determinado ovo de Páscoa, devemos sempre observar o valor calórico do produto antes de consumi-lo. Ovos maiores que 500g podem chegar a um valor calórico de uma refeição de 2500 kcal;
– Dê preferência a chocolate ao leite, sem adição de castanhas, avelãs e outros produtos o que pode tornar seu doce sabor um pouco mais amargo em sua dieta;
-Fonte: Minha Vida, Saúde, Alimentação e Bem estar Artigos recomendados: Coma chocolate sua saude agradece. Aprenda a controlar a vontade de devorar chocolates. Sobrou chocolate? Proteja sua dieta do efeito pós Páscoa. Aproveite as delícias da Páscoa sem prejudicar sua pele.

Link permanente para este artigo: http://blog.suri-emu.co.jp/?p=767

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

Translate »