«

»

abr 03 2011

Imprimir Post

Prevenção do Terremoto (jishin) de Tokai : Orientação de Hamamatsu, dicas da experiência dos Bombeiros no terremoto de Kobe

O texto abaixo está no site da cidade de Hamamatsu, em Shizuoka.
Considerado um dos muitos locais que será severamente atingido no caso do Grande Terremoto de Tokai (Tokai Jishin), o governo orienta todos os moradores em relação à prevenção e providências. Os artigos são fáceis, simples e muito completos.
É recomendável a leitura para todos que moram na região de Tokai (Shizuoka, Aichi, Mie, Gifu) mas também, para aqueles que moram em Kanagawa, Yamanashi, Chiba, etc., ou seja, todos que estão no Japão que direta ou indiretamente estarão envolvidos com o desastre natural previsto.

O site http://www.city.hamamatsu.shizuoka.jp/hamapo/05disaster/index.html

Apresentamos aqui a experiência vivida pelos bombeiros no Grande Terremoto de Kobe nos preparativos, salvamento e ajuda de pessoas, que podem servir de alguma ajuda. Aproveitem esses conselhos de grande valor que podem ser úteis daqui para a frente.(Oferecimento do Corpo de Bombeiros de Higashinada, cidade de Kobe)

Preparação de cada família contra desastres

No dia 17 de janeiro de 1994 soubemos verdadeiramente o que é o pavor de um terremoto. É preciso que revisemos fundamentalmente a colocação dos móveis e utensílios domésticos, prioridades na decoração do interior da moradia e a forma de recolhimento dos móveis. Além disso, é necessário que [cada família se prepare contra desastres] verificando a sacola de emergência e alimentos de reserva para emergência. Aqui são publicados alguns exemplos de fácil entendimento de acordo com o que foi vivenciado no Grande Terremoto de Hanshin e Awaji. Vamos verificar posteriormente cada um dos seguintes itens.

1. Filme para vidros
2. Água do banheiro
3. Lanterna
4. Alimento para emergência
5. Utensílios para usar no camping
6. Móveis
7. Guarda-louças
8. Geladeira
9. Sacola de emergência

1. Filme para vidros
No nosso dia-a-dia, muitos objetos contendo vidros e cerâmicas são utilizados, como janelas, guarda-louças, portas e iluminação. Com o terremoto, há possibilidade do vidro ou cerâmica se quebrar e se espalhar, tornando-se uma arma mortífera. Em qualquer momento pode causar danos para quem estiver andando, e pode ser uma das causas no atraso para fugir do terremoto. Existem filmes adesivos que são vendidos para vidros, como filmes bloqueadores dos raios ultravioletas, que podem servir para evitar o estilhaçamento de vidro.
2. Água do banheiro
Com o Grande Terremoto de Hanshin, houve interrupção dos setores básicos do dia-a-dia (telecomunicação, abastecimento), principalmente pessoas que tiveram muita dificuldade com a interrupção do abastecimento de água. Pode se dizer que um dos meios para se preparar para essa dificuldade é evitar jogar a água que foi colocada na banheira.
Uma das medidas para se garantir do abastecimento de água, é usar o tanque de água do banheiro. Essa água é substituída diariamente e poderá ser usada excepcionalmente. E, a água armazenada na banheira poderá ser utilizada para lavar roupa ou mesmo no banheiro, ou mesmo para apagar focos de incêndio.
3. Lanterna
Logo após o terremoto, ocorre blecaute e não existe claridade nenhuma. No dia-a-dia, mesmo que seja a noite, existe a claridade das lâmpadas de rua ou placas de anúncios. No entanto, no blecaute, em virtude do terremoto, a tendência é de que toda iluminação existente se apague. Tudo ficará na escuridão. Mesmo assim, é preciso tomar medidas, portanto, ter uma lanterna e deixá-lo num local ao alcance de suas mãos, é muito importante.
4. Alimento para emergência
Com relação aos alimentos e líquido para emergência, a pessoa deve comprar água mineral e enlatados em quantidade maior do que é usado no dia-a-dia, para reserva de pelo menos um mês, fazendo rodízio entre os novos e antigos, pois em caso de desastres poderão ser bastante úteis.
5. Equipamentos de sobrevivência ao ar livre
Para que a lanterna seja suficiente para clarear um ambiente fechado, é preciso que se cole papel alumínio no teto. Com isso, todo o ambiente ficará iluminado.
Além disso, os equipamentos de sobrevivência ao ar livre é extremamente útil para os casos de emergência. Se esses equipamentos estiverem armazenados dentro de um veículo tipo RV (para usar fora das estradas), servirá como um abrigo. Se houver aquecedor, iluminação, rádio (televisão) e equipamento para dormir, além dos alimentos para emergência, pode-se dizer que, todas as medidas necessárias foram tomadas. A experiência em viver fora da cidade, onde não há gás, água encanada e energia elétrica, é uma forma de se preparar sobreviver em casos de desastres.
Quando ocorreu grande terremoto, muitas pessoas que tinham guardado em seu carro, equipamentos para uso ao ar livre, puderam armar suas barracas em parques ou escolas primárias e, sobreviveram da melhor forma possível.
6. Móveis
Tendo em vista o tremor do terremoto, os móveis podem cair em várias direções, de diferentes maneiras, por isso para a segurança dos que vivem no imóvel é necessário que sejam presos na parede através de vergos de ferro em forma de L. Muitas pessoas se machucaram em virtude da queda dos móveis.
7. Guarda-louças
O guarda-louças, por estar pesado com as louças, pode-se soltar da parede, mesmo estando preso pelos vergos de ferro, por isso é bom se precaver prendendo o guarda-louças com parafusos e prendedores de ferro na parede.
8. Geladeira
Se de alguma forma sua casa escapar do desmoronamento por causa do terremoto, e para que você consiga sobreviver no local, sua geladeira pode se transformar rapidamente num depósito de alimentos. É claro que com o blecaute, o sistema de refrigeração da geladeira não funcionará, mas se for no inverno, alguns alimentos poderão se conservar na geladeira por 2 a 3 dias, até que os alimentos de emergência sejam entregues. Além disso, o gelo armazenado no congelador poderá ser derretido e utilizado como água. Se for possível, armazene água mineral e faça rodízio das garrafas (entre novas e antigas) para que possa ser utilizada em caso de desastre.
9. Sacola de emergência
O número de famílias que preparam a sacola de emergência tem aumentado, mas a maioria tem guardado dentro dos armários e estantes. Quando ocorre um grande terremoto, os móvem tombam e as casas e prédios são destruídos. Se for possível, pelo menos tenha sempre a lanterna por perto, e a sacola de emergência também, pois, no caso do tombamento de móveis, faça com que a sacola de emergência esteja em local de fácil acesso (por exemplo, dentro do porta-malas do seu veículo). Mesmo que a sacola de emergência esteja em local de fácil acesso, com o tremor muitos objetos e móveis tendem a mudar de local, por causa do tombamento; por isso memorize bem o local e direção para onde vai se refugiar, para que a evacuação do local danificado seja rápido.

Resgate/Salvamento

Quando ocorre um grande terremoto, o perigo se estende largamente, por isso somente com a atuação do governo, centro de saúde, prefeitura e bombeiro da região é insuficiente. É essencial que os cidadãos também se esforcem e colaborem com os órgãos locais. No grande terremoto de Hanshin e Awaji, muitos cidadãos cooperaram com o resgate e salvamento. No entanto, como era a primeira vez que sentiram os tremores verticais em grande escala numa cidade grande, tudo era uma nova experiência. Por essa razão, o reconhecimento de sobreviventes, mortos e feridos na fuga dos tremores foi muito difícil, fazendo com que a procura fosse feita dentro do método de erros e acertos. Diante disso, nasceram as regras feitas das idéias e pontos importantes. E para que isso seja largamente divulgado, fizemos um resumo baseado nessas experiências.
1. Apito/Notícias coladas
2. Motocicleta -1
3. Motocicleta -2
4. Maca
5. Macaco (usado para carros)

1. Apito/Notícias coladas
Resgatar vítimas de casas e prédios desmoronados tomam muitas horas. E para isso foi necessária a colaboração de vários esforços do país inteiro; no entanto, como o tremor afetou largamente o local, infelizmente não foi possível fazer o resgate de todas as vítimas. Foram verificados todos os prédios desmoronados, um por um e se houve algum indício de que havia vítimas, foi feita a investigação e o salvamento, no entanto, para isso, levou-se muito tempo. Por isso, tocar o apito é uma das maneiras de informar o local onde está a vítima. E para os grupos de salvamento, apenas um aviso colado informando [todos estão salvos e se encontram na escola primária de oooo] foi muito de muita utilidade.
2. Motocicleta -1
Depois do terremoto, muitas pessoas tentaram se locomover de carro. Isso causou um massivo tráfego e causou dificuldades na passagem dos carros de bombeiros, ambulâncias e veículos de resgate e transporte de material de primeiros socorros. Para que haja rapidez no salvamento e resgate das vítimas, é preciso que as pessoas se contenham em usar o veículo para se locomover, utilizando motocicletas, bicicletas ou mesmo andem à pé. E também, ao se locomover durante o terremoto, tome muito cuidado com os tremores secundários e maremotos.
3. Motocicleta -2
Haverá muitos objetos caídos nas ruas e avenidas e após o terremoto. Podem ser óleo, vidro e metal, que podem causam acidentes. Podem também ocorrer acidentes com pessoas que se locomovem com motocicletas ou bicicletas e se enroscam nos fios elétricos que ficam pendurados. Haverá, também várias rachaduras e desnivelamento do terreno nas ruas e avenidas. É preciso ter muita atenção, principalmente em inclinações ao longo das ruas e avenidas. Se for se locomover num veículo, é bem provável que haja tombamento. Por isso, atravesse prestando bastante atenção nas rachaduras e desnivelamentos dos terrenos.
4. Maca
No dia do terremoto, mais de 100 pessoas foram resgatadas pelo corpo de bombeiros. O número de ambulâncias foi insuficiente para fazer o resgate de todas essas pessoas. Não foi possível resgatar somente com as ambulâncias existentes. Diante disso, muitas pessoas utilizaram outros meios, como carrinho de mão, bicicleta-carreta, para transportar as vítimas das vizinhanças.
*O Departamento do Corpo de Bombeiros da cidade de Hamamatsu realiza vários cursos de primeiros socorros. Há cursos sobre técnicas de ressucitação, mas também existem cursos para tratamento de feridas. Por isso, faça o curso e aprimore-se em primeiros socorros. Frequentando o curso, a cidade de Hamamatsu fornecerá um atestado de conclusão do curso.
5. Macaco (usado para carros)
Há muitos exemplos de vítimas que foram resgatadas de desmoronamentos usando-se os macacos (de automóvel). No entanto, como o macaco é instável e há perigo de tombamento com os tremores secundários, é aconselhável que após levantar os objetos com o macaco, que se coloquem blocos para que não voltem a cair, ocasionando outro desastre em seguida.
Outros itens podem ser úteis, tais como cordas para puxar ou mesmo prender objetos; serrotes para cortar pilares, traves ou vigas de madeira, assoalho; martelo para desmontar ou destruir portas, móveis e outros. As barras de ferro podem ser utilizadas para levantar objetos, utilizadas como alavancas, ou para desmontar objetos e raspar ou remover metais dos tetos.

O dia-a-dia como refugiado

É muito difícil viver em comunidade quando não se está acostumado ao dia-a-dia como refugiado, passando-se por vários sacrifícios e não tendo material suficiente para a sobrevivência. Diante disso, muitas idéias e aprendizados começam vir à tona nessa vivência diária de ajuda e colaboração; no entanto, muita coisa começa a aparecer em virtude dessa experiência que está vivenciando. Por isso, como são conhecimentos simples e básicos adquiridos diante dessa experiência, não são facilmente esquecidos. Logo, foram agrupados e apresentamo-los a seguir:
1. Água
2. Alimentos
3. Aquecedores de mão descartáveis
4. Eletrodomésticos
5. Saco de plástico
6. Desinfetante
7. Toalete (banheiro)
8. Bicicleta
9. Iluminação

1. Água
Quando há interrupção de água encanada, seja grato por existir água natural. Passando pela cidade, há o Rio Sumiyoshi, que é limpo e é usado por muitas pessoas como local para coletar água. Nesses casos de emergência, muitas pessoas utilizam o local para pegar água. No entanto, nesses casos, muitas pessoas foram lavavam a roupa no rio, utilizando sabão. Por isso, para que a água não fique contaminada, utilize a água e faça com que a água suja não se misture à água limpa do rio.
2. Alimentos
Há muitas histórias de pessoas que se utilizaram de fogões portáteis à gas em casos de emergência. Há histórias de pessoas que utilizaram 2 fogões lado a lado e uma chapa para assar a carne sobre os fogões. No entanto, essa forma de utilização é muito perigosa, pois com o aquecimento da chapa sobre o fogão, pode estourar o gás que está armazenado na garrafa de spray.
Por isso, vamos tomar cuidado não somente no grau de utilização mas também no grau de periculosidade dos objetos.
3. Aquecedor descartável para mãos
Naqueles dias, as autoridades tiveram a possibilidade de distribuir algums materiais de primeiros socorros para as áreas de refúgio. No entanto, não foi possível prover com equipamento para aquecer. Utilizando o aquecedor descartável para mãos ou mesmo colocando água fervida em garrafas de plástico (metade), e enrolando a garrafa em toalhas, podem ser utilizadas como bolsa de água quente.
4. Eletrodomésticos
Com a interrupção de abastecimento das necessidades do dia-a-dia, a energia elétrica é a que será recuperada primeiramente. Se não houver gás e energia elétrica durante esse tempo, a energia elétrica é bastante preciosa.
5. Saco de plástico
Usando papel de jornal e sacos de plástico é possível fazer simples esteiras para deitar e se usar as caixas de papelão é possível usá-los estendidos ao chão, bloqueando a passagem do frio. O papel de jornal pode ser utilizado amassando-o e depois estendendo-o, e colocá-lo entre as roupas e as roupas íntimas, para bloquear o frio. Após o terremoto, muitas pessoas se refugiaram somente com a roupa do corpo e muitas somente vestindo pijama.
6. Desinfetante
Quanto o abastecimento de água é interrompido, fica muito difícil conseguir água limpa e potável. Os remédios para uso desinfetante servem para desinfetar os machucados; no entanto não é possível utilizá-los para desinfetar as mãos ou limpar o rosto das crianças. Acrescente lenços ou tecidos para rosto em sua sacola de emergência.
7. Toalete
Toaletes de emergência serão entregues nos locais de refúgio após 3 dias a 1 semana. Nas casas e apartamentos, após a interrupção do abastecimento de água, previna-se não jogando a água armazenada na banheira, podendo utilizá-la como água do banheiro.
8. Bicicleta
Aconselhamos carregar equipamento para conserto de bicicleta, como bomba de ar para pneu e ferramentas para pneu furado. Como nas ruas e avenidas existirão muitos objetos caídos, é bem provável que o pneu fure. E não haverá funcionamento de transportes públicos nessa situação.
9. Iluminação
Você pode fazer uma simples lamparina à óleo usando óleo para fritar “tempura”. Coloque água numa vasilha de metal ou numa lata vazia na altura de 2 cm e coloque outros 2 cm de óleo para “tempura”. Como o óleo é mais leve, ele se separará da água, ficando acima. Utilize uma chapa de alumínio redonda no formato de uma moeda de 10 yens. Passe pelo buraco um tecido fino, torcido fazendo com que uma parte fique mergulhada no líquido, parecendo uma vela. Se acender o fogo, ela durará mais ou menos 10 horas.
Ao utilizar uma lata, corte-a cuidadosamente, conforme a ilustração, pois ela logo se transformará numa lamparina à óleo. No entanto, preste atenção ao utilizá-la, para que não fique muito próximo ao vazamento de gás.
Naqueles dias, as autoridades tiveram a possibilidade de distribuir algums materiais de primeiros socorros para as áreas de refúgio. No entanto, não foi possível prover com equipamento para aquecer. Utilizando o aquecedor descartável para mãos ou mesmo colocando água fervida em garrafas de plástico (metade), e enrolando a garrafa em toalhas, podem ser utilizadas como bolsa de água quente.

 Quando não tiver vela

Uma lata de tsuna (atum), um prego, martelo e fio.  Faça um furo na lata com um prego e martelo. Coloque pelo furo, uma linha que servirá de pavio. Acenda. Enquanto durar o óleo que conserva o atum, você terá uma vela improvisada. Depois, poderá consumir normalmente. Veja o vídeo abaixo:

video http://www.youtube.com/watch?v=qSN4_V22T00&feature=youtu.be

 

*********************************************************************************

Este artigo está sendo publicado também no Portal Nippon,

Link permanente para este artigo: http://blog.suri-emu.co.jp/?p=791

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

Translate »